Google tradutor

Ricardo Eletro

Atentado em mesquita no Paquistão deixa mais de 40 mortos


Centenas pessoas ficaram feridas em região afetada pela insurgência talibã. Bomba explodiu quando centneas participavam de oração da sexta-feira.

Moradores limpam sangue em mesquita alvo de explosão em Jamrud, a 25 km de Peshawar, no Paquistão (Foto: A. Majeed / AFP) 

Moradores limpam sangue em mesquita alvo de explosão em Jamrud, a 25 km de Peshawar, no Paquistão (Foto: A. Majeed / AFP)

Pelo menos 43 pessoas morreram nesta sexta-feira (19) na explosão de uma bomba em uma mesquita do noroeste do Paquistão, uma uma região afetada pela insurgência dos talibãs, aliados da Al-Qaeda, segundo o balanço mais recente das autoridades locais.
O ataque, no distrito tribal de Jhyber, perto da fronteira com o Afeganistão, é o mais violento em vários meses no Paquistão, e em particular desde o ataque americano que matou o líder da Al-Qaeda, Osama Bin Laden, no norte do país em maio.
O balanço anterior registrava 33 mortos e 100 feridos.

 
A bomba explodiu quando centenas de peregrinos participavam na grande oração de sexta-feira em uma mesquita de Jamrud, 25 km ao sudoeste de Peshawar, a grande cidade do noroeste do país.
"Segundo as primeiras informações foi um atentado suicida. Pelo menos 43 pessoas morreram e 100 ficaram feridas", declarou à AFP Mutahar Zeb, chefe de administração deste distrito semiautônomo.
A bomba explodiu dentro da mesquita.
As zonas tribais paquistanesas são os redutos dos rebeldes talibãs paquistaneses e de combatentes da Al-Qaeda.
Pressionado por Washington, o Exército paquistanês tem executado nos últimos anos uma ofensiva contra os rebeldes, sem conseguir o fim da violência, apesar da redução do número de atentados em 2011.
Parte dos atentados foi atribuída ao Movimento dos Talibãs Paquistaneses (TTP), que declarou em 2007 a jihad (guerra santa) ao governo paquistanês como resposta à aliança de Islamabad com Washington.
tópicos:
Da France Presse / G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail