Google tradutor

Ricardo Eletro

Falsa grávida deve doar presentes ainda nesta semana, diz advogado



Marido da educadora já entregou dinheiro que ganhou dos colegas.
Casal é aguardado pela polícia para prestar esclarecimentos.


Mulher que dizia estar grávida de quadrigêmeos em Taubaté (Foto: Rogério Marques/O Vale/AE)
Mulher que dizia estar grávida de quadrigêmeos em Taubaté (Foto: Rogério Marques/O Vale/AE)
 
A educadora Maria Verônica Vieira, de 25 anos, que disse estar grávida de quadrigêmeos em Taubaté, no Vale do Paraíba, interior de São Paulo, deverá doar os presentes recebidos no período de sua falsa gestação ainda nesta semana. A informação foi dada nesta terça-feira (24) pelo advogado que representa a mulher, Enilson de Castro. Ele disse que pretende consultar no fórum alguma instituição assistencial cadastrada para receber os objetos.
O marido de Maria Verônica, o metalúrgico Cléber Eduardo, já devolveu o dinheiro doado pelos colegas de trabalho, informou seu advogado, Marcos Leite. Cléber  mantinha uma lista com os nomes e os valores doados.
Depoimento
O casal também é aguardado pela polícia para prestar esclarecimentos ainda nesta semana. Segundo o advogado de Maria Verônica, a presença de sua cliente, entretanto, está condicionada a um posicionamento da psiquiatra da educadora. Maria Verônica tem tomado psiquiátricos e, de acordo com o advogado, é preciso analisar se as drogas poderão ou não influenciar no depoimento da educadora.

G1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail