Google tradutor

Ricardo Eletro

Cacau é produzido na Amazônia para preservar floresta

A planta do fruto que dá origem ao chocolate cresce com facilidade na floresta e gera um alto lucro financeiro sem necessidade de queimadas 

 

Medicaster/Wikimedia Commons

Cacau


A produção de cacau em São Félix passou de 350 toneladas em 2005 a 1.500 toneladas em 2010
São Félix do Xingu - O cacau, original da Amazônia e que prosperou em outras terras brasileiras, foi reintroduzido na região amazônica por agricultores interessados em melhorar sua renda e reflorestar áreas devastadas.

A planta que dá origem ao fruto matéria-prima do chocolate cresce com facilidade na floresta e gera um alto lucro financeiro, motivo pelo qual se transformou em alternativa para os produtores que antes destruíam a Amazônia para aumentar os pastos para a criação de gado.
'Vimos que a pecuária não era viável porque tínhamos que queimar mais floresta para manter a produção. O cacau nos oferece hoje uma renda maior que o gado', disse à Agência Efe Altamiro Pereira Lorenzo, que há dez anos semeou 3 mil plantas de cacau em sua propriedade de 62 hectares no município de São Félix do Xingu, estado do Pará.
A substituição de gramados por cacau foi rápida em São Félix, que além de ter o maior rebanho bovino do país, com dois milhões de cabeças de gado, é considerado o maior destruidor da Amazônia por ter devastado 10.110 quilômetros quadrados de floresta nos últimos dez anos.
A produção de cacau em São Félix passou de 350 toneladas em 2005 a 1.500 toneladas em 2010, segundo dados oficiais que credenciam o município como o segundo produtor do país.
Outros municípios seguiram o mesmo caminho e o Pará se consolidou como um dos grandes produtores com uma colheita que no ano passado foi de 63.739 toneladas, equivalente a 25,7% do total nacional.
Em primeiro lugar se mantém a Bahia, estado do nordeste, com 154.634 toneladas (62,3% da produção nacional).
Além de ser uma planta nativa, o cacau cresce na sombra, motivo pelo qual os agricultores o semeiam no meio de árvores típicas da Amazônia, como o mogno, o que garante a preservação da floresta.

 http://exame.abril.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail