Google tradutor

Ricardo Eletro

Mulher morre ao tentar exterminar piolhos

Fotos: J. Alencar e arquivo familiar
Até os peixes onde dona Zilene lavou os cabelos morreram por causa da força do veneno
ITABELA - Tentando se livrar dos piolhos que a atormentavam, a trabalhadora rural Zilene José dos Santos tomou uma providência extrema e acabou pagando com a própria vida. A mulher de 61 anos resolveu ensopar os cabelos com um veneno usado para matar cupins.

Após usar o produto, ela começou a passar mal e morreu minutos depois quando lavava os cabelos em um riacho, devido à forte queimação que sentia no couro cabeludo. O veneno era tão forte que alguns peixes do córrego também morreram.

O fato foi registrado em um sítio no distrito de Montinho, município de Itabela. O corpo da lavradora foi encaminhado para o Instituto Médico Legal da cidade de Itamaraju, que ainda não divulgou o laudo cadavérico.

O irmão de Zilene, o também trabalhador rural Sebastião Lima, não soube identificar o tipo de veneno que teria sido comprado para exterminar os cupins que se disseminavam pela casa de madeira onde ela morava com uma filha de 33 anos.
Radar 64.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail