Google tradutor

Ricardo Eletro

Acidente na BR-116/norte deixa uma criança morta e seis pessoas feridas

Ney Silva/Acorda Cidade
Foto: Ney Silva
Um acidente, ocorrido por volta das 8h30 deste sábado (2) envolvendo um Corsa de placa JLT 5646 – Jacobina, e um Pálio de placa NZS 2051 - Conceição do Coité, na BR-116/norte (Feira/Serrinha), próximo ao distrito de Tiquaruçu, causou a morte de uma criança, de apenas dois meses de vida, e deixou mais seis pessoas feridas.
No acidente ficaram feridos, Joabson Carvalho Maia, 27 anos que dirigia o Corsa;  a mulher dele Edilane Silva Lisboa, 30 anos; os filhos do casal, Melissa Lisboa Maia, de três meses, João Gabriel Lisboa Maia, 4 anos e João Douglas Lisboa Maia, também de 4 anos. O bebê que morreu não foi identificado
Joabson e Edilane foram socorridos para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) e as crianças para o Hospital Estadual da Criança (HEC). Mais duas mulheres, ainda não identificadas, que estavam no veículo Pálio, ficaram feridas e foram levadas para o hospital Emec em Feira de Santana.
O Policial Rodoviário Federal, Antonio Alves, informou que a ultrapassagem feita pela condutora do Pálio, de identidade não revelada, foi indevida, que no local tem faixa contínua para quem segue em direção a Serrinha
O policial acha que o bebê, que estava na cadeirinha e foi projetado para a parte externa do veículo, não estava preso ao cinto de segurança. “Quando chegamos ao local do acidente o corpo do bebê estava fora do carro. Se tivesse preso através do cinto, isso não teria ocorrido”, lamentou. Ele acha que a criança poderia ter sido salva, porque a parte traseira do Corsa não foi danificada no acidente.
A professora, Bernadete Mota Araújo Costa, foi uma das primeiras pessoas a ajudar no socorro as vítimas. Ela estava em veículo atrás do Corsa. “Como uma pessoa solidária, gosto muito de ajudar. Eu parei e fui de imediato prestar socorro às vítimas”, afirmou. Ela contou que foi um momento de muito desespero e lamentou a morte da criança.  
O comerciante, Alex Fabiano Rios Contes, também ajudou no resgate das vítimas. Ele contou que estava atrás do Corsa e confirmou que o Pálio, que seguia em direção a Serrinha, fez uma ultrapassagem indevida, chocando-se frontalmente com o Corsa.
As equipes de socorro demoraram cerca de meia hora para chegar ao local do acidente, devido ao congestionamento. Acorda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail