Google tradutor

Ricardo Eletro

Saiba mais sobre a doença mais antiga do mundo!


Caso você não saiba, o que é muito provável, a doença mais antiga do mundo tem os primeiros registos da sua existência datados em 1350 a.C, e essa doença é a Lepra.

A lepra é provocada pela bactéria Myrobacterium leprae, (que nome é esse?), e ataca principalmente os nervos e pele, podendo causar deformações em estágios mais avançados.
O contágio produz-se por contacto direto de pessoa para pessoa, independentemente de ser por via cutânea, a partir de lesões abertas na pele contendo bacilos, ou por via aérea, devido à inalação de secreções respiratórias contaminadas dos pacientes. Contudo, deve-se referir que o contágio costuma necessitar de um contacto íntimo e prolongado, até de vários anos de duração, com pessoas afetadas por certas formas evolutivas de lepra, que se desenvolvam perante a presença de bacilos ativos que possam passar das lesões para o exterior.

Apesar do rápido tratamento que já existem nos dias correntes, esse tratamento só foi descoberto nos inícios dos anos 80.

Embora ainda não exista uma vacina contra a lepra, a única medida preventiva eficaz consiste em proporcionar o devido tratamento a todas as pessoas afetadas Deve-se referir que, como os pacientes em tratamento não costumam transmitir a doença, não é necessário proceder-se ao seu isolamento.

Devido ao preconceito com o qual a doença é encarada, seu nome foi mudado no Brasil para hanseníase. Sobral 24 Horas 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail