Google tradutor

Ricardo Eletro

PREFEITURA COMEÇA DEMOLIÇÃO DE CONSTRUÇÕES IRREGULARES NA JACOBINA III


A Prefeitura Municipal de Jacobina começou na tarde desta segunda o processo de demolição de algumas construções feitas, segundo a atual gestão de forma irregular no bairro Jacobina III. De acordo com o secretário de obras  José Amim Hassan, muitas irregularidades foram encontradas nas áreas construídas. Edificações feitas embaixo de rede de alta tensão , em cima de redes de esgoto e de  abastecimento de água foram algumas das infrações relatadas por ele. Bahia Acontece

Segundo Zé Amim independentemente disto, o local demolido hoje é um arruamento, os lotes doados na gestão passada infringem o projeto original do bairro. O local dos lotes doados faz parte do projeto de urbanismo destinada a área verde do bairro, que corresponde a 35%, da área total.

As demolições começaram hoje na parte onde acontece um vazamento da rede de esgoto, em um terreno doado  pela gestão Valdice Castro a Associação de Taxistas de Jacobina. O secretário fez questão de frisar que a as construções estão sendo demolidas com autorização tanto por parte da promotoria quanto pela Justiça

Com relação as casas que estão sendo feitas no local, o secretário informou que as famílias não serão prejudicadas, pois serão abrigadas pelo programa federal Minha Casa Minha Vida . Já as famílias que residem na área em questão aguardarão a construção do novo condomínio do projeto, para  futuramente serem realocadas das suas casa, que serão demolidas em seguida.

Apesar da garantia feita pelo secretário de que serão beneficiadas pelo programa federal, algumas famílias se sentiram ameaçadas pela demolição feita hoje no bairro. Dona Maria Celma, que construiu uma casinha próximo ao local demolido se disse indignada. " Juntei meu dinheirinho com meu filho para fazer esta casinha e agora eles vem aqui bater em minha porta dizer que vão derrubar minha casa. Eu não aceito. Coloquei tudo o que tinha aqui e não arredo o pé de minha casa. É tudo bonitinho agora, prometem casa e tudo, mas eu quero é prova. Se quiserem derrubar vão ter que me indenizar."

Já os noivos Jonas e Elisângela, que constroem sua casa no bairro desabafam: " Temos licença para construção expedida pela prefeitura e agora eles veem dizer que é ilegal? Se é ilegal porque deram a licença? Minha construção não vai parar. Além do secretário de obras, estiveram no local inspecionando o início dos trabalhos de demolição o vice prefeito José Maria Fagundes e o vereador Ramon Santos.Bahia Acontece

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail