Google tradutor

Ricardo Eletro

33 cortadores de cana-de-açúcar morrem em acidente na BR 116

 

Corpos mutilados e envolvidos em pó de giz chegaram amontoados em veículos em empresa funerária no IML de Jequié (Foto repórterTatu)
Na primeira hora da madrugada deste sábado (3) um ônibus transportando cortadores de cana-de-açúcar, procedente do estado de São Paulo com destino a Pernambuco, teria se envolvido num acidente com uma carreta Scania carregada de sacos com pó de gesso, de Criciúma-SC, placa MCG-0080 e um caminhão baú,  de placa LOM-5769, licença de Porto Alegre-RS, carregado de mercadorias diversas , que foram saqueadas por populares. O acidente ocorreu na  BR 116, na chamada Serra  Km 100 (município de Brejões), causando as mortes no local de  31 pessoas, duas outras morreram no hospital de Jequié. A maioria das vítimas é  da cidade de Buíque-PE. Eles  estavam retornando para suas casas para passarem o Natal com as famílias. Muitos brinquedos de crianças foram encontrados dentro do ônibus da Viação TCB Turismo,  de placa AFM 0946 licença de Santo André-SP.  Os feridos, alguns em estado grave,  foram trazidos para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié e o Hospital Municipal de Jaguaquara,  em veículos da Via Bahia e do Samu. Os mortos foram levados para o IML de Jequié em veículo da Via Bahia e três carros de uma empresa funerária.  Onze corpos permaneceram no IML de Jequié e os demais foram distribuídos para as cidades de Vitória da Conquista e Guanambí, em razão da falta de estrutura do setor em Jequié para efetuar os procedimentos da medicina legal em número tão elevado de cadáveres.   Viajavam no ônibus mais de 45 passageiros. A  identificação das vítimas vem sendo feita através do recolhimento de documentos, trabalho que vem encontrando dificuldade diante da situação em que se encontram os corpos.   A única identificação feita até o momento é do segundo motorista do ônibus, José Anchieta da Silva, de 33 anos. Ele não estava dirigindo no momento do acidente. A hipótese levantada pela Polícia é de que o acidente foi causado pelo motorista da carreta ao forçar uma ultrapassagem. O motorista que ficou ileso, disse que  perdeu o controle de direção do veículo em face da forte neblina que se verificava na região. O motorista [identificação não revelada]  foi detido pela PRF e será será submetido a exames toxicológicos.  O acidente está sendo apontado pela PRF como a maior tragédia dos últimos 30 anos na região.

Repórter Tatu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail