Google tradutor

Ricardo Eletro

Estátua da Liberdade reabrirá em 4 de julho, afirma secretário dos EUA

Monumento está fechado desde outubro devido a danos do furacão Sandy.
Recuperação está avançada e deve terminar até feriado da independência.


Funcionário observa danos na ilha onde fica a Estátua da Liberdade, em Nova York, após furacão Sandy, em novembro de 2012 (Foto: REUTERS/NPS/Everitt/Handout/Files ) 
Funcionário observa danos na ilha onde fica a
Estátua da Liberdade, em Nova York, após furacão
Sandy (Foto: REUTERS/NPS/Everitt/Handout/Files )
Fechada desde outubro do ano passado por causa dos estragos do furacão Sandy, a Estátua da Liberdade, em Nova York, já tem data para reabrir.
De acordo com comunicado divulgado pelo Serviço Nacional de Parques dos EUA, que cuida do famoso monumento, o secretário do Interior do país, Ken Salazar, anunciou na terça-feira (19) que a espectativa é reativar as visitas no dia 4 de julho deste ano
O Sandy não danificou a estátua, mas causou extensos prejuízos na infraestrutura e os sistemas da energia e de segurança da Liberty Island, onde ela fica.
“Com base nos tremendos progressos que estamos tendo, a estátua vai abrir ao público a tempo para as celebrações do 4 de Julho", disse Ken Salazar. Dia da independência dos Estados Unidos, o feriado de 4 de Julho é muito comemorado no país. G1
3,7 milhões de visitantes
A reabertura da estátua em plena temporada de verão deve causar impacto positivo na economia de Nova York. Um relatório anual divulgado no mês passado pelo Serviço Nacional de Parques mostrou que 3,7 milhões de pessoas visitaram o monumento em 2011, movimentando US$ 174 milhões e contribuindo para manter 2.218 empregos.
A recuperação da Liberty Island está sendo financiada por um pacote de US$ 28 milhões de dólares destinado a reconstruir estradas e pontes em parques federais e áreas recreativas das cidades de Nova York e Nova Jersey. G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail