Google tradutor

Ricardo Eletro

Mais de 100 editais são abertos com salários que vão até R$ 22 mil

Entre os processos seletivos em aberto, um que se destaca é o do Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região, que compreende 13 estados da federação, incluindo a Bahia, mais o Distrito Federal


Concursos públicos de todo o Brasil somam cerca de 18 mil vagas hoje. São 18 mil oportunidades de ter estabilidade, qualidade de vida e um salário melhor. É isso o que desejam as amigas Joeli Pinto e Juliana Flores. “Estou me empenhando agora para garantir uma comodidade no futuro. Casar com homem rico está difícil”, brinca Juliana.

Entre os processos seletivos em aberto, um que se destaca é o do Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região, que compreende 13 estados da federação, incluindo a Bahia, mais o Distrito Federal. As inscrições para disputar uma das 81 vagas para juiz substituto começam amanhã. Para participar, os candidatos precisam ter concluído o curso de Direito há pelo menos três anos e ter exercido três anos de atividade jurídica após obter o grau de bacharel. A remuneração chega a R$ 22.854,46. Para os interessados, o edital está disponível em www.cespe.unb.br/concursos/trf1_13_juiz.

Outro processo seletivo com salários atrativos é o do  Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), que oferece 100 vagas para todo o Brasil, com salários de até R$ 14,3 mil. As oportunidades, que poderão ser disputadas por candidatos que tenham o nível superior em qualquer área, são para auditor fiscal do trabalho. Pessoas de todo o Brasil podem participar, mas, se aprovados, serão lotados em Brasília.

Mas quem quiser se aventurar num concurso estadual em São Paulo poderá disputar um salário mais alto que o do MTE. O Tribunal de Justiça do Estado está com 234 vagas abertas para juiz substituto, com vencimentos de R$ 20,6 mil.

Mas, para entrar na disputa, assim como no TRF, é preciso ser bacharel em Direito há, no mínimo, três anos e ter outros três de atividade jurídica comprovada por documentos e certidões. As inscrições podem ser feitas em  www.vunesp.com.br até o dia 1º de setembro.

Mas nem todos os processos exigem tanta qualificação. Também existem os que exigem apenas nível médio, como o do Planserv e o da Secretaria da Educação da Bahia.

Tempo
Em qualquer que seja o caso, é preciso paciência.  Advogadas há cinco anos, Joeli e Juliana acham importante não desanimar. “Não é uma vida de resultados rápidos”, atesta Joeli. “É preciso ter muita força de vontade e disciplina, para não desistir no meio do caminho”, concorda Juliana.

De fato. Segundo o professor do curso preparatório Jus Podivm Ítalo Romeno Eduardo, antes de conquistar a tão sonhada vaga no serviço público é preciso um amadurecimento do candidato. “Não adianta começar a estudar para um concurso que é daqui a um mês. Você dificilmente vai passar”, diz.

Segundo ele, apenas depois de seis a oito meses de estudo é que o concurseiro começa realmente a disputar a vaga. “Antes disso, é bom fazer só para entrar no clima, ir se acostumando”, diz ele.

Por isso, ele aconselha que quem estiver começando a estudar agora foque em concursos que ainda não tiveram seus editais lançados, como o INSS e a Receita Federal.

“O INSS tem vagas para nível médio e ainda deve ter algum tempo antes da prova. Na Receita, as oportunidades são para analista e auditor. Deve sair o edital entre o fim de 2013 e o começo de 2014. Dá tempo de estudar”, diz o especialista. 

Segundo ele, fazer um curso preparatório também é importante para se ter um norte. “Esse primeiro contato com pessoas mais experientes, tanto professores quanto alunos, é importante para a pessoa entrar nesse mundo dos concursos”.

Foco
Outra dica do professor Ítalo é não atirar para todos os lados, ou melhor, para todos os editais. “Veja suas afinidades e se direcione para uma área. Se começar querendo fazer todos os concursos, provavelmente não vai passar em nenhum deles”, avisa.

 Mas, mesmo para quem ainda não decidiu em qual área quer focar, isso não é desculpa para adiar o início da maratona de estudos. Segundo ele, existem matérias básicas, que são praticamente obrigatórias em qualquer concurso. Que tal começar por elas?

Concursos abertos
- Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS):  200 vagas com salário de até R$ 6.130. Inscrições em www.funcab.org

- Exército: 85 vagas de nível superior. Inscrições em www.esfcex.ensino.eb.br

- Liquigás Distribuidora S.A:  136 vagas, com salários de R$ 4 mil. Inscrições em www.cesgranrio.org.br

- Ministério do Trabalho e Emprego:  100 vagas com salário de até R$ 14,2 mil. Inscrições em www.cespe.unb.br

- Prefeitura de Capim Grosso: 96 vagas, com salários de até R$ 2,3 mil. Inscrições em www.idmconcursos.com.br

- Tribunal Regional Federal da 1ª Região:  81  vagas, com salários de até R$ 22.854,46. www.cespe.unb.br/concursos/trf1_13_juiz

- Planserv:  50 vagas com salário de até R$ 2.326,77. Inscrições em siteftp.planserv.ba.gov.br

- Secretaria da Saúde do Estado (Sesab): 62 vagas de até R$ 5,3 mil. Inscrições em www.fundacaocefetbahia.org.br/sesab/superh/concurso.asp

- Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs):  19  vagas para professor. www.uefs.br

Correio 24 horas 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga por e-mail